Três Atos

Descobri-me em três atos,
De amor, de perdão e de razão.
Seguindo minha sintonia,
três cores já dispostas,
colorindo as palavras da absolvição,
mesmo porque, as duvidas,
as que descobri, não me acobertarão.
As tragédias já previstas, vividas e revistas,
não aqui mais retornarão.
Nossos desejos prevalecem,
aqui será e aqui estão,
meu desejos impudicos ou não,
que aqui estão, aqui estarão.
Em três atos de mim,
pensamento, desacato e razão.

Marcela.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s