Perdida

Perdida

Estou cansada de me perder entre bosques e florestas,
Enquanto cada um qual encontra sua fresta,
Nunca fui de reclamar, pois cada um tem sua missão,
Afinal mal se sabe o que cada um leva em seu coração.
Mas confesso que estou perdida,
Pois não encontro sentido em estar sozinha.
Mas a vida nos dá o mesmo que nós tira,
Não a vejo tirando de mim o que nunca foi meu,
Assim como nunca tentei invadir o espaço teu.
Estar perdia é questão de opinião, em um espaço,
Em um lugar, ou em um simples coração,
Mas mal sei onde estou, ouvindo sua voz, e seu amor,
Te amar sei que amo, só não sei onde me levará,
Com amor ou desamor, só sei que estou perdida,
tentando jogar um pouco mais de sal em minhas feridas.

Marcela Souza

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s